Grêmio Vence por 3 a 1 e ainda pode sonhar na libertadores 2019.

Grêmio Vence por 3 a 1 e ainda pode sonhar na libertadores 2019.

Grêmio vence a primeira, aproveita derrota da Catolica e segue vivo na Libertadores
Tricolor aplica 3 a 1 na noite desta quarta, na Arena, enquanto a Católica é superada pelo Libertad no Chile. Jean Pyerre e Leonardo, duas vezes, marcaram para o Tricolor, enquanto Aguirre descontou para os argentinos

  • O espírito copero que acompanha o Grêmio retornou à Arena nesta quarta-feira.
  • O Tricolor bateu o Rosario Central por 3 a 1 e ainda contou com a virada do Libertad sobre a Universidad Católica (3 a 1), no Chile, para seguir vivo na Libertadores da América.
  • Agora, depende apenas de si para se classificar para as oitavas de final da competição.  Em 30 minutos, Everton assumiu a responsabilidade e criou quatro chances de gol. Na quinta, optou por passar para Jean Pyerre, que abriu o placar.
  • No segundo tempo, o camisa 21 retribuiu a gentileza e assistiu a Leonardo para que o lateral ampliasse o marcador. Em noite de redenção, Léo Gomes ainda bateu cruzado para fazer o terceiro. Aguirre descontou aos 42 minutos, mas não diminuiu a festa das 30 mil almas presentes no estádio. 
  • Se a Católica vencer o Rosario Central na próxima rodada, chega a nove pontos. Logo, se o Tricolor ganhar os dois jogos seguintes – do Libertad e da equipe chilena –, avança para a fase de mata-mata com 10.
  • 1º tempoO Grêmio controlou as ações e Everton Cebolinha mostrou o futebol que o levou à Seleção Brasileira.
  • Ele construiu quatro chances de gol em menos de meia hora.
  • Aos sete, chutou nas mãos de Ledesma. Aos 10, cabeceou para fora.
  • Aos 18, driblou dois jogadores pela esquerda antes de colocar pela linha de fundo. E, aos 28, fez nova finta antes de obrigar o goleiro argentino a salvar com o joelho. Até que, aos 30 minutos, ele decidiu assistir a Jean Pyerre.
  • O substituto de Luan dominou a bola e mandou-a longe do alcance de Ledesma. A única oportunidade dos canallas foi aos 33, com Herrera, mas o atacante perdeu o timing para fazer a finalização.
  • Antes do intervalo, duas cenas mexeram com a torcida gremista: uma de festa e outra de apreensão. Aos 38, Leonardo torceu o joelho sozinho e precisou ser atendido.
  • Porém, retornou em seguida e seguiu em campo. Depois, aos 43 e aos 46, instantes em que saíram os gols da virada do Libertad sobre a Universidad Catolica, a comemoração foi maior do que na catarse com o gol de Jean Pyerre. 

2º tempo

O Grêmio não diminuiu o ritmo na segunda etapa. No primeiro e no terceiro minutos, Jean Pyerre e Leonardo já haviam arriscado. Aos nove, eles decidiram unir as forças.

Jean Pyerre pegou o rebote do escanteio cobrado por ele mesmo, cruzou para o meio da área e Leonardo desviou por baixo do goleiro Ledesma: 2 a 0. Depois disso, o jogo perdeu a intensidade devido ao desgaste de ambas as equipes.

O Tricolor perdeu Tardelli e Maicon com muitas cãibras. Aos 26, quase a lei do ex. Herrera aproveitou que Leonardo foi desarmado pelo árbitro – isto mesmo! – e completou um cruzamento de cabeça. Paulo Victor fez ótima defesa em cima da linha.

Após isso, a equipe de Renato passou a cozinhar a partida e chegar apenas em jogadas trabalhadas. Aos 36, a história foi selada. Léo Gomes bateu cruzado e ampliou. E, três minutos mais tarde, o terceiro gol do Libertad levantou as 30 mil pessoas que empurraram o time gremista na Arena. Nem o gol de Aguirre, aos 42, diminuiu a ovação da torcida aos “novo” Grêmio. 

  • Como fica?Com o resultado, o Grêmio soma quatro pontos e está em terceiro no Grupo H. O Rosario tem apenas um e é o lanterna. Caso vença Libertad e Catolica, o Tricolor está classificado às oitavas
  • AgendaNa próxima rodada, enfrenta o Libertad. O duelo será disputado no dia 23 de abril, às 19h15, no Defensores del Chaco. Antes volta a concentrar forças no Gauchão. Neste domingo, às 16h, começa a decisão com o Inter no Beira-Rio. Já o Rosario, no dia 24 de abril, recebe a Catolica no Gigante de Arroyto